Abertura Edital ITCP – Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares

Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares (ITCP) recebe até 28 de fevereiro, inscrições para o processo seletivo para preenchimento de 12 vagas de estágios.

Podem se candidatar estudantes de graduação da Unicamp matriculados a partir do terceiro semestre do curso.

O requerimento de inscrição deverá ser protocolado na Diretoria de Projetos de Extensão, localizada na Avenida Érico Veríssimo, 800, no prédio do Ginásio de Esportes da Unicamp, de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 11h30 e das 14h30 às 16h30.

As atividades a serem desenvolvidas estão voltadas à inclusão produtiva de grupos populares de mulheres ou compostos. Mais informações e contatos encontram-se no edital disponível na página da Diretoria de Projetos.

Programa criado pela Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários em 2001, a ITCP atua com grupos populares em Campinas e região. Os temas abordados são economia solidária, educação popular, tecnologia social, gênero, movimentos sociais e autogestão.

Veja o edital.

Nied lança nova edição da revista Tecnologias, Sociedade e Conhecimento

NiedEsta edição inaugura o volume temático Pensamento Computacional. A opção por essa temática reconhece a complexidade do tema e a necessidade de seu aprofundamento, para não formar-se uma visão ingênua em seus vários domínios: das origens na ciência da computação e arquitetura subjacente às maquinas que conhecemos, seu potencial transformador em termos do pensamento e da construção de conhecimento, passando pelas questões sócio-políticas de sua apropriação na sociedade.

A revista inclui quatro artigos científicos, além de dois artigos científicos convidados, três relatos de experiência no tema e um resumo estendido de dissertação de mestrado, com autores de diferentes instituições brasileiras e estrangeiras.

O volume 4 da revista Tecnologias, Sociedade e Conhecimento pode ser acessado neste link. As edições anteriores também podem ser consultadas no site do Nied.

Autor: Da redação
Fotos: Divulgação – Nied
Edição de imagem: Paulo Cavalheri

Unicamp e CIS-Guanabara sediam eventos do 14º Feverestival

Divinas Divas, espetáculo que abre o 14 Feverestival
Divinas Divas, espetáculo que abre a 14ª edição do Feverestival

Campinas sedia no período de 17 a 25 de fevereiro a 14ª edição do Feverestival – Festival Internacional de Teatro “Território do Encontro”. A abertura dessa edição será dia 17, sábado, às 19 horas com a apresentação da peça Divinas Divas, no Teatro Castro Mendes. O campus da Unicamp, em Barão Geraldo, e o CIS-Guanabara também integram a programação que receberá atividades reflexivas e espetáculos de diferentes regiões do país, além de produções do Reino Unido. No campus será realizado, entre os dias 20 a 23, o VII Simpósio Internacional Reflexões Cênicas Contemporâneas. O CIS-Guanabara abriga nos dias 21 e 22 o III Fórum de Festivais de Teatro no Brasil “Curadoria e Internacionalização”, além de duas apresentações da peça infantil A Gruta da Garganta, nos dias 23 a 24 de fevereiro.

Esta é a 14ª. edição do Feverestival (a quinta consecutiva com a participação do CIS-Guanabara) cuja programação abrange espaços culturais de diversos territórios da cidade, como a Vila Industrial, Guanabara, centro e região Noroeste, além do distrito Barão Geraldo. Desde 2003 o Festival marca o calendário cultural de Campinas, valorizando as manifestações e produções culturais locais, além de trazer ao município espetáculos reconhecidos nacional e internacionalmente – em 13 edições alcançou mais de 400 mil pessoas e incluiu mais de 200 produções inéditas em sua programação. Esta edição conta com espetáculos de todas as regiões do país e duas produções do Reino Unido. Mais informações e a programação completa do evento estão no endereço www.feverestival.com.br

Unicamp – No campus de Barão Geraldo será realizado entre os dias 20 e 23 de fevereiro o VII Simpósio Internacional Reflexões Cênicas Contemporâneas. O encontro visa dar continuidade e ampliar o debate iniciado nos encontros anteriores, intensificando o aporte sobre as questões que emergiram de forma mais potente nas três últimas experiências. Dessa maneira, o encontro será pautado pelos seguintes temas. Dia 20 de fevereiro: “Pistas para uma pesquisa de campo no campo das artes da cena”; dia 21: “Metodologias e procedimentos para a criação e pesquisa em arte”; dia 22: “Dramaturgias (im)possíveis, (in)viáveis”; e dia 23: “O corpo da palavra ou a palavra do corpo: a escrita como criação”. Local: Paviartes, sempre das 18h30 às 22 horas.

CIS-Guanabara – Nos dias 21 e 22 de fevereiro, das 14h30 às 18h, o CIS-Guanabara recebe o III Fórum de Festivais de Teatro no Brasil “Curadoria e Internacionalização”. No primeiro dia do encontro “Curadoria” será o mote das discussões. Ainda dentro da programação do fórum serão realizadas duas ações reflexivas: a mesa “Difusão Cultural” e a “Vivência de malabares”. No dia 22, o foco passa a questões de “Internacionalização”, discutindo o papel dos festivais e instituições parceiras na internacionalização do teatro.

O público infantil também terá espaço no CIS-Guanabara durante o Feverestival. Nos dias 23 e 24 (sexta-feira e sábado), às 11 horas, será apresentada a peça A Gruta da Garganta, montagem do Grupo La Casa incierta, do Distrito Federal. A peça transita, de maneira poética, pelos laços invisíveis que unem os seres humanos. No dia 23, após a apresentação haverá um momento de reflexão sobre a “Arte na primeira infância”. A entrada é franca, no entanto será passado chapéu para colaboração espontânea. São distribuídas senhas uma hora antes do início de cada espetáculo. O CIS-Guanabara fica à Rua Mário Siqueira, 829, bairro Botafogo, em Campinas (estacionamento gratuito no local).

Galeria de Arte abre exposição de Virginia Artigas no dia 15

A Galeria de Arte do Instituto de Artes (Gaia) abre ao público duas novas exposições no dia 15 de fevereiro. A sala 1 receberá uma mostra da artista plástica Virginia Camargo Artigas (1915 – 1990). A exposição Nas madrugadas traz um panorama da produção de Virginia Artigas, com pinturas, gravuras, ilustrações e cartazes criados ao longo de sua vida.

A curadoria é do professor Marcio Donato Périgo, do Departamento de Artes Plásticas do Instituto de Artes (IA) e que trabalhou com a artista e seu marido, o arquiteto Vilanova Artigas, e de Rosa Artigas, filha de Virginia e responsável pelo acervo de seus pais.

Algumas das gravuras de Virgínia Artigas
Algumas das gravuras de Virginia Artigas

Ainda jovem Virginia Artigas teve contato com artistas plásticos da Família Artística Paulista, e posteriormente passa a frequentar os ateliês do Grupo Santos Helenos, onde pode aprender e desenvolver suas técnicas. Acaba tendo contato com artistas como Sérgio Milliet, Alberto Volpi,  Mário Zanin e outros nomes das artes plásticas.

Leia mais

Multilinguismo: sobre aquisição e aprendizagem de línguas

Sabemos que as línguas do mundo possuem diferentes estruturas, diferentes conjuntos e formas de combinar seus sons, além de várias diferenças semânticas e pragmáticas. Ainda assim, não é estranho notarmos a existência de pessoas que utilizam conseguem utilizar com fluência mais de uma língua. Damos a essas pessoas o “título” de Bilíngue ou Multilíngue. Por outro lado, existem ao menos dois tipos de bilinguismo que devem ser vistos de forma separada.

Precisamos falar de gênero e sexualidade na escola?

 

Grande parte do debate público – especialmente no que tange à Educação – sobre gênero e sexualidade vem sendo veiculado a partir do termo Ideologia de gênero.  Em diversos municípios têm aparecido leis e projetos de leis proibindo o termo de ser trabalhado como conteúdo na escola.

Leia mais

Programa UniversIDADE abre inscrições para o primeiro semestre de 2018

O programa atende pessoas a partir de 50 anos de idade, de dentro ou de fora da Universidade. As atividades são gratuitas e têm como objetivo proporcionar saúde e qualidade de vida.

As oficinas selecionadas para este semestre se inserem em quatro temáticas: Arte e Cultura, Esporte e Lazer, Saúde Física e Mental, Sociocultural e Geração de Renda. Num primeiro momento, os interessados devem se inscrever em apenas uma atividade de cada área temática, somente depois poderá optar por outras atividades, de acordo com o cronograma oferecido.

A coordenação do programa orienta os candidatos a verificarem suas escolhas, para evitar a coincidência de horários, pois muitas das atividades ocorrem em diferentes locais. Neste semestre, cada aluno poderá realizar somente uma oficina na área de esportes e outra na área de idiomas, devido à grande demanda. Para as atividades esportivas e de lazer, é obrigatória a apresentação de atestado médico (cardiológico ou teste ergométrico) antes do início das aulas.

A grade de oficinas e o formulário de inscrições estão acessíveis na página do programa.

Serviço
Inscrições para oficinas do Programa UniversIDADE
19 e 20 de fevereiro – alunos já participantes
21 e 22 de fevereiro – alunos novos
Endereço: Prédio Reitoria 6, Rua da Reitoria, Unicamp
Atividade do Programa Universidade em 2017 na Casa do Lago

Autor: Maria Alice da Cruz

Fotos: Angelo Silva